quinta-feira, 30 maio 2024
- Publicidade -
14.1 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Pesquisa Modalmais/Futura: Bolsonaro tem 44,1% das intenções de voto em SP

 

A pesquisa de opinião realizada pelo Instituto Futura a pedido do Banco de Investimentos Modalmais coloca o atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), à frente nas intenção de voto dos eleitores do Estado de São Paulo. Conforme os números, se a eleição fosse hoje, 44,1% dos entrevistados votariam em Bolsonaro e 35,5% no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Divulgada a menos de 72 horas da eleição, os resultados apresentados contrariam pesquisas realizadas anteriormente por outros institutos, como o DataFolha e Idea. Ambos chegaram a projetar a vitória de Lula já no 1º turno.

Os resultados dos demais candidatos, dentro da pesquisa Modalmais/Futura, seguem a seguinte ordem: Simone Tebet (MDB) com 4,5% dos votos, Ciro Gomes (PDT) com 4,2% dos votos e Soraya Thronicke (União Brasil) com 0,2% dos votos.

Em caso de um segundo turno, envolvendo os dois candidatos mais bem votados, Bolsonaro e Lula, teríamos uma segunda vitória do atual presidente com 50,4% do votos em contrapartida aos 39,7% dos votos de Lula.

Mais surpresas

A mesma pesquisa também surpreendeu ao colocar, na disputa pelo governo de São Paulo, o candidato Tarcísio de Freitas (Republicanos), que foi ministro da Infraestrutura no governo Bolsonaro, à frente do candidato Fernando Haddad (PT), que tem aparecido com líder nas pesquisas feitas por outras instituições.

No primeiro turno, 28,9% dos eleitores disseram que vão votar em Tarcísio e 22,1% afirmaram votar em Haddad. Em terceiro lugar aparece Rodrigo Garcia (PSD) 13,2%.

Nessa corrida, a diferença é pouca, mas chama atenção por conta dos indecisos, que chegam a 26,6%, um pouco menos que os votos declarados a Tarcísio e um pouco mais que os votos declarados a Haddad.

Detalhes da pesquisa

A pesquisa foi realizada pela Futura para o Banco ModalS/A. A amostra foi do tipo não probabilística e contemplou 1000 entrevistas, com margem de erro de 3,1 pontos percentuais para mais ou para menos e confiabilidadede 95%.

As entrevistas foram realizadas entre os dias 26 e 28 de setembro de 2022, por meio de técnica de abordagem CATI (entrevista telefônica assistida por computador), respeitando os critérios de aleatoriedade e das proporções populacionais, de sexo, idade e estado de moradia, tendo como unidade respondente eleitores de São Paulo.

A pesquisa é de responsabilidade do economista José Luiz Soares Orrico e da estatística Priscila Pagung de Aquino L.Campos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob os números SP-03528/2022 e BR-06588/2022

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Feito com muito 💜 por go7.com.br