segunda-feira, 20 maio 2024
- Publicidade -
28.1 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

A evolução do personagem Pica-Pau

 

Pica-Pau é um dos desenhos mais populares e amados do Brasil. A animação chegou ao Brasil ainda nos anos 80 e se prolongou por décadas, fazendo com que diferentes gerações pudessem acompanhar o passarinho mais amado da TV.

E assim como seus fiéis espectadores, o próprio desenho também evoluiu desde a sua primeira aparição, até os desenhos mais modernos, que hoje são disponibilizados gratuitamente no canal no YouTube oficial do personagem.

 

Pica Pau conta com um canal no YouTube com episódios totalmente de graça

Pica Pau conta com um canal no YouTube com episódios totalmente de graçaFonte:  YouTube 

Hoje o TecMundo mostra como foi a evolução do Pica Pau ao longo de todos esses anos. Confira!

O surgimento do Pica Pau (Maluco)

O personagem foi criado ainda nos anos 40 pelo desenhista e animador Walter Lantz. Inicialmente, Pica-Pau foi criado para fazer uma participação em um episódio da animação Andy Panda.

A ideia era colocá-lo como responsável por goteiras na casa do personagem, depois de ter o telhado “bicado” pelo pássaro. 

Primeiro Pica Pau surgiu no seriado do personagem Andy Panda

Primeiro Pica Pau surgiu no seriado do personagem Andy PandaFonte:  Reprodução / TecMundo 

Entretanto, mesmo considerado esteticamente feio pelos diretores da Universal Studios, o público adorou o personagem e pediu mais episódios com ele. Com isso, ele protagonizou episódios naquele mesmo ano, onde outras animações como Pernalonga e Tom e Jerry também surgiram.

Até hoje o visual do personagem é chamado por muitos como “Pica-Pau Maluco”. Isso porque o pássaro trazia olhos vesgos, uma expressão alucinada, dentes pontudos, e não parava quieto um minuto sequer.

Um Pica Pau mais sociável

Em 1944, depois de já ser um sucesso de popularidade, Pica-Pau ganhou uma reformulação para se tornar mais “sociável”. Com isso, ele recebeu traços mais leves, com um rosto mais fofo, um tamanho menor, penas azuis e barriga com luvas da cor branca.

Em 1944 Pica Pau recebeu novos traços para ficar mais fofo e amigávelEm 1944 Pica Pau recebeu novos traços para ficar mais fofo e amigávelFonte:  Reprodução / TecMundo 

O personagem também começou a dar mais espaço para outros coadjuvantes, como o preguiçoso Leôncio, e o famoso vilão Zeca Urubu. Nesse período o desenho também ganhou a sua canção-tema, que chegou a ser indicada ao Oscar em 1948.

Estreia na TV e novas mudanças

Em 1957, o desenho Pica-Pau fez a sua estreia na TV. Ele era exibido em um programa semanal no canal ABC, que durava cerca de meia hora. Curiosamente, todos os desenhos eram apresentados pelo próprio criador Walter Lantz.

Outro elemento importante foi o corte de cenas consideradas violentas para serem exibidas para crianças. Vale lembrar que, nos muitos episódios anteriores, o personagem é frequentemente visto usando armas, bombas, e usando de uma força excessiva para se vingar de quem perturbar a sua paciência.

Quando estreou na TV, em 1957, Pica Pau ficou menor, ganhou um topete e olhos escurosQuando estreou na TV, em 1957, Pica Pau ficou menor, ganhou um topete e olhos escurosFonte:  Reprodução / TecMundo 

Em relação ao seu visual, ele ganhou uma espécie de topete e seus olhos mudaram para a cor preta, o que facilitava a sua criação e animação. Nesse período também surgiram ainda mais coadjuvantes que se tornaram muito populares, como o cavalo Pé de Pano e os sobrinhos do próprio personagem.

O retorno do Pica Pau

Depois de passar anos sem ganhar um novo episódio, de 1999 a 2002 o personagem ganhou novos episódios. Entretanto, não foram muito bem recebidos pelos seus fãs, que consideraram as histórias pouco interessantes, repetitivas e, em alguns momentos, com pouco protagonismo do personagem principal.

O visual também foi criticado, uma vez que ele voltou com os olhos verdes e com um semblantes parecido com a primeira versão do personagem, a do Pica-Pau Maluco. Porém, a postura era longe de ser parecida com a do pássaro louco dos anos 40.

Em 1999, Pica Pau ganhou um visual que lembra os seus primeiro traçosEm 1999, Pica Pau ganhou um visual que lembra os seus primeiro traçosFonte:  Reprodução / TecMundo 

Esses episódios também chegaram a ser exibidos no Brasil. Mas, depois das muitas críticas de seus fãs, rapidamente foram substituídos pelas clássicas animações, que até hoje são as favoritas de seu enorme público.

Pica Pau: O Filme

E a última versão do personagem foi em 2017, quando o longa Pica Pau: O Filme, foi lançado nos cinemas. O filme traz uma briga do personagem com vigaristas que pretendem construir uma mansão na floresta onde vive o pássaro.

Pica Pau: O FilmePica Pau: O FilmeFonte:  IMDB 

O visual 3D se manteve fiel à última versão do Pica Pau, de 1999 a 2001, onde manteve os olhos claros, o longo topete e, principalmente, a semelhança com a primeira animação do personagem.

Agora que você já conhece a evolução do Pica Pau, saiba que você pode assistir aos melhores episódios da animação através do seu canal oficial no YouTube.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Arrombamento em relojoaria de Tangará: Polícia prende 3 e recupera objetos

Na madrugada desta segunda-feira, 20, uma relojoaria localizada no...

Percentual de analfabetos não reduz em Mato Grosso em 5 anos

A quantidade de pessoas analfabetas ficou estável em Mato...

Há 10 anos, Polícia Federal invadia todos os Poderes em Mato Grosso

Há exatamente 10 anos, Mato Grosso amanhecia como destaque...
Feito com muito 💜 por go7.com.br