terça-feira, 16 abril 2024
- Publicidade -
27.5 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

PRF participa de ação para incineração de agrotóxicos ilegais apreendidos em Mato Grosso

 
 
 

Em Cuiabá/MT, cerca de 65 toneladas de agrotóxicos proibidos no Brasil, apreendidos no estado de Mato Grosso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), pela Polícia Militar (PM) e demais órgãos fiscalizadores do estado, foram preparados para incineração.

A PRF participou da preparação logística e assessoramento operacional para descarga e inutilização do material. São produtos que já passaram por laudos e foram destinados para a destruição, após constatação de ilegalidade.

O estado de Mato Grosso é um grande produtor de grãos, responsável por abastecer não só o Brasil, mas todo o mundo. Com isso, tem-se o crescimento da importância de enfrentamento ao mercado de insumos ilegais no estado, principalmente no que se refere ao uso de agrotóxicos.

No ano de 2022 a PRF apreendeu aproximadamente 183 toneladas de agrotóxicos ilegais em Mato Grosso, causando um prejuízo de mais 101 milhões de reais para o crime organizado.

O processo de inutilização do produto é realizado em câmaras especiais, com temperaturas superiores a 800ºC, que controlam emissões atmosféricas e evitam contaminação do ar, dos solos e de mananciais. Em Mato Grosso, a inutilização é feita em parceria com a CropLife Brasil (CLB), empresa responsável por coordenar toda a logística da operação.

 

Os agrotóxicos ilegais, sem registro no Mapa, constituem risco para a agropecuária, pela ausência de procedência e eficácia do produto para o controle e combate às pragas; risco à saúde, pela exposição à ingredientes ativos e componentes desconhecidos, tanto dos usuários, durante a aplicação do produto, como dos consumidores de alimentos; e risco ao meio ambiente, pela exposição da fauna e da flora às substâncias químicas desconhecidas, que podem causar mortes ou danos graves ao equilíbrio ambiental.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Feito com muito 💜 por go7.com.br