segunda-feira, 20 maio 2024
- Publicidade -
Dengue
21.5 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Deputados aprovam taxação da mineração; 10% vai para municípios

 

A Assembleia Legislativa (ALMT) aprovou na noite desta segunda-feira (19), um substitutivo ao Projeto de Lei nº 955/2022, que cria uma taxa da mineração em Mato Grosso. No texto, foi estabelecido que 10% do recurso será destinado aos municípios.

A proposta recebeu 20 votos favoráveis e apenas um contrário, que foi o do deputado Ulysses Moraes (PTB).

O projeto foi enviado pelo Governo de Mato Grosso e vem sendo discutido pelo Legislativo Estadual desde a semana passada. Durante a sessão, alguns parlamentares criticaram a votação da matéria no “afogadilho”.

 Isso porque havia uma pressão para que o texto fosse aprovado ainda em 2022, para que a cobrança pudesse ser implantada já em 2023. 

A proposta conta com uma lista com o coeficiente da taxa para cerca de 20 minérios que são extraídos em Mato Grosso. Dentre os percentuais aprovados, os deputados mantiveram o valor de 0,018 milésimo da UPFMT por grama de ouro, o que equivale a uma taxa de R$ 3.976,02 por quilo de ouro produzido. 

A sessão para aprovação da PL durou mais de oito horas. Diversas emendas foram apresentadas, mas muitas foram rejeitadas. Uma das aprovadas foi a de autoria do deputado Max Russi (PSB), que prevê o repasse de 10% do recurso para os municípios.

A expectativa é que com a nova taxação o Estado arrecade mais de R$ 158 milhões.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Arrombamento em relojoaria de Tangará: Polícia prende 3 e recupera objetos

Na madrugada desta segunda-feira, 20, uma relojoaria localizada no...

Percentual de analfabetos não reduz em Mato Grosso em 5 anos

A quantidade de pessoas analfabetas ficou estável em Mato...

Há 10 anos, Polícia Federal invadia todos os Poderes em Mato Grosso

Há exatamente 10 anos, Mato Grosso amanhecia como destaque...
Feito com muito 💜 por go7.com.br