domingo, 25 fevereiro 2024
- Publicidade -
Banner Topo
26.3 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Queijo produzido em Mato Grosso fica em terceiro lugar em competição mundial

 

Um queijo produzido em Mato Grosso, na cidade de Nossa Senhora do Livramento, pelo médico Silas Vicente Barbosa Junior, ganhou a medalha de bronze na 2ª edição do Mundial do Queijo do Brasil.

A competição contou com jurados brasileiros e estrangeiros que escolheram os melhores queijos de todo o mundo. O evento aconteceu no último fim de semana. O queijo “mato-grossense” é relativamente novo. Silas conta que iniciou a produção da iguaria em 2020, durante a pandemia da Covid-19, para não desperdiçar o leite produzido na fazenda:

Inicialmente, o queijo seria “frescal”, o mais comum, mas com as dificuldades de vendas causadas pela crise financeira, ele resolveu produzir um queijo com maior durabilidade. Após quatro meses de pesquisas e estudos nasceu o queijo Diamante da Cartucheira, um queijo tipo Brie, que desde o início foi sucesso em vendas e se tornou o principal produto.

A 2ª edição do Mundial do Queijo do Brasil reuniu mil 580 queijos mundiais feitos por produtores artesanais e industriais. Entre eles, queijos ingleses, franceses, italianos, holandeses, suíços, que são considerados os melhores queijos do mundo, além de queijos da américa do norte, central e toda américa do sul.

Você que ficou interessado em provar o “Diamante”, é só entrar em contato pelo instagram: @quintadacartucheira.

- Publicidade -
big master

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

A Transfiguração: «Este é o meu Filho amado. Escutai-o!»

Domingo 2 (B) da Quaresma Evangelho Mc 9,2-10 Seis dias depois, Jesus levou...

Maragogi, Gunga e Milgares; saiba mais sobre pontos turísticos do Alagoas

Com turismo em alta, especialmente no verão, estado do...
Feito com muito 💜 por go7.com.br