domingo, 26 maio 2024
- Publicidade -
25.4 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Produção industrial de Mato Grosso avança em 10% em outubro, maior que a média nacional

Industrialização no estado marca um novo ciclo de desenvolvimento estadual

Conteúdo/ODOC – A produção industrial de Mato Grosso teve um aumento de 10% em outubro deste ano, na comparação com o mesmo mês do ano anterior e 3,6% ao longo dos últimos 12 meses. O crescimento está maior do que a média nacional, que foi de 1,2%. Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal (PIM) regional divulgada pelo IBGE.

Além de Mato Grosso, estados como Paraná, Espírito Santo, Goiás e Pernambuco apresentaram avanços industriais impulsionados pelos setores de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis, produtos alimentícios e produtos de madeira no primeiro local, e de indústrias extrativas e celulose, papel e produtos de papel.

Para o presidente da Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt), Silvio Rangel, o impulsionamento da industrialização no estado marca um novo ciclo de desenvolvimento estadual.

Historicamente ancorada na agropecuária, a economia mato-grossense, com ênfase na produção de soja, milho, carne e outros produtos, está diante de uma virada histórica. Segundo estudo da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), a indústria emerge como uma alavancagem econômica, gerando R$ 2,32 para a economia brasileira a cada real produzido.

Com o setor agropecuário representando 29% do PIB e a indústria respondendo por 17%, Mato Grosso apresenta um cenário propício para a expansão desse novo ciclo de desenvolvimento. “Esse caminho não apenas impulsiona as empresas, mas também promove a estabilidade econômica a longo prazo, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos mato-grossenses”.

Além dos impactos econômicos, segundo o presidente, a indústria desempenha um papel vital na criação de empregos formais e de qualidade. Do operador de máquinas ao engenheiro e profissional de pesquisa e desenvolvimento, o setor industrial oferece oportunidades em diversos níveis, contribuindo para a redução do desemprego e o aumento da renda média dos trabalhadores.

“Enquanto o país enfrenta uma estagnação industrial, Mato Grosso desafia essa tendência, mantendo um notável ritmo de crescimento. Esse progresso não é apenas resultado de palavras, mas sim de ações concretas de pessoas que se empenham a empreender e investir no futuro industrial do estado”, avaliou.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Jogos hoje (26/05/24) ao vivo de futebol: onde assistir e horário

Confira onde assistir ao vivo aos jogos de futebol...

MPF investiga irregularidade na exploração de diamantes em MT por empresa de ucranianos

O procurador da República Guilherme Fernandes Ferreira Tavares instaurou...

Desastres afetam 6,1 milhões de pessoas em 10 anos no Estado

Mais de 6,1 milhões de mato-grossense já foram afetados...
Feito com muito 💜 por go7.com.br