segunda-feira, 4 março 2024
- Publicidade -
Banner Topo
22.5 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Número de CNH pelo celular mais que triplica em dois anos

O número de CDT (Carteira Digital de Trânsito), versão para celular da CNH (Carteira Nacional de Habilitação), mais que triplicou nos últimos dois anos. O documento superou 30 milhões neste mês de outubro, um aumento de 233% em relação ao mesmo período de 2020, quando havia 9 milhões de downloads da carteira. O sistema passou a valer em todo o país em abril de 2018.

A quantidade representa 38% de adesões do total de condutores habilitados no país, de mais de 79 milhões. Do início do ano até o momento, o percentual de carteiras digitais de trânsito emitidas subiu de 33% para 38% do total.

A Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito), do Ministério da Infraestrutura, atribui o aumento do número de documentos digitais às mudanças realizadas recentemente, que ampliaram informações e funcionalidades do aplicativo.

“Pela CDT, por exemplo, é possível ter no celular tanto a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) quanto o documento do veículo, tirando a necessidade de carregar os documentos físicos ao dirigir”, aponta a secretaria.

Além disso, o motorista tem acesso ao RNPC (Registro Nacional Positivo de Condutores), que permite empresas e órgãos públicos a oferecerem benefícios a motoristas que não tiverem cometido infrações de trânsito nos últimos 12 meses. O aplicativo também permite efetura a venda de um veículo por meio digital.

Como baixar o documento digital?

• Baixe o aplicativo “CDT – Carteira Digital de Trânsito” na loja de aplicativos do seu telefone celular. Aplicativo disponível no Google Play ou na Apple Store.

• Depois de baixar, clique em “Entrar com gov.br” e, depois, digite o seu CPF e senha. Se você ainda não tiver conta no gov.br, clique em “Crie sua conta”, aparecerá algumas opções de cadastro para você escolher, siga as instruções do aplicativo e faça o seu cadastro.

• O aplicativo CDT mostrará algumas opções de tipos de documentos. Clique em “Habilitação” e, em seguida, em “Toque para baixar sua CNH”.

• Aviso importante: você só vai conseguir baixar se a sua CNH impressa tiver o QRcode no verso (tiver sido emitida a partir de maio de 2017). Se a sua CNH não tem o QR Code, solicite uma 2ª via do documento. Veja como solicitar aqui.

• A próxima tela pede o número de registro e o código de segurança da sua CNH. O número do registro é o número da sua CNH e o código de segurança é o número pequeno que fica no canto inferior da sua CNH.

• Clique em “Baixar CNH digital”, cadastre uma chave de acesso. Sua CNH digital já vai aparecer para você e vai ficar salva no aplicativo.

• Se for a primeira vez que usa o aplicativo CDT para baixar um documento digital, você precisará cadastrar uma chave de acesso, que é como uma senha de 4 dígitos que ficará cadastrada no seu aplicativo para qualquer uso futuro.

• Já o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) é digitalizado automaticamente no momento da renovação do licenciamento do carro. Se o motorista quiser, ele pode imprimir o documento, mas não é mais obrigatório, desde que ele tenha no celular.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Biocombustíveis são fundamentais para a transição energética e MT é protagonista

Biocombustíveis têm papel fundamental na transição energética para uma...

4 características pouco conhecidas sobre o mundo animal

Animais, independentemente da espécie, cultivam muitas habilidades incríveis. No...

Mato Grosso recebeu créditos de R$ 47 bilhões pelo Plano Safra até janeiro

O Plano Safra 2023/2024, que separou R$ 364,22 bilhões...

Unemat abre vagas para professores substitutos; salários até R$ 7 mil

Unemat abre seleção para seis vagas de professos substitutos,...
Feito com muito 💜 por go7.com.br