sábado, 13 abril 2024
- Publicidade -
Dengue
25.7 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Caged: Tangará da Serra e Nova Olímpia têm saldo positivo de empregos em novembro

Tangará da Serra e Nova Olímpia são os dois municípios entre os principais da região que apresentaram saldo positivo de empregos no mês de novembro do ano passado, mês da última métrica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com base no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Enquanto Tangará deve 1.375 demissões contra 1.270 demissões e saldo de 105 empregos com carteira assinada, Nova Olímpia somou 261 admissões contra 134 desligamentos, perfazendo um saldo de 127.

Outros municípios da região mostraram saldo negativo. Campo Novo do Parecis, por exemplo, teve saldo negativo de -667 empregos, resultado de 1.563 demissões contra 898 admissões. Sapezal também teve saldo negativo (-223), com 851 desligamentos ante 629 admissões. Barra do Bugres, por sua vez, apresentou em novembro saldo negativo de -348 empregos com carteira assinada, resultado de 565 demissões e 217 admissões.

Mato Grosso

No estado houve saldo positivo na geração de empregos, com 53.200 novos postos de trabalho entre janeiro e novembro, de acordo com os dados do Caged divulgados no último dia útil do ano pelo IBGE. Nesse período, o estoque de empregos no estado foi de 887.386 vagas.

Mato Grosso foi o 12° que mais gerou empregos entre os 27 estados brasileiros.

De acordo com o levantamento, Mato Grosso foi o 12° que mais gerou empregos entre os 27 estados brasileiros. Cuiabá, Sinop e Várzea Grande foram os municípios que mais contrataram e menos demitiram ao longo do período.

O levantamento do IBGE mostra que Cuiabá, a capital, teve 9.552 carteiras assinadas contra 8.763 demissões. Sinop, município polo da região Norte do estado, gerou 3.451 vagas e Várzea Grande 2.899 novos empregos.

O IBGE apontou ainda que Mato Grosso detém a segunda menor taxa de desemprego do país, com 2,4%, ficando atrás apenas de Rondônia que registrou 2,3%.

Além disso, o Estado apresenta uma das maiores taxas de ocupação do país, tendo 64,1% da população empregada.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Feito com muito 💜 por go7.com.br