quinta-feira, 13 junho 2024
- Publicidade -
20.9 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Morre a elefanta Pocha, resgatada da Argentina em maio

 
A elefanta Pocha morreu na quinta-feira (06), no Santuário de Elefantes Brasil, em Chapada dos Guimarães (64 km de Cuiabá). A informação foi divulgada nas redes sociais da instituição e teve repercussão nacional.

“É com o coração pesado que anunciamos que a elefanta Pocha faleceu na noite passada. Ainda não sabemos a causa da morte, porém uma necropsia será feita, em breve, para nos ajudar determinar o que aconteceu”, diz o comunicado divulgado nessa sexta (07).

Pocha tinha 57 anos e foi trazida da Argentina em maio deste ano junto com a filha, Guillermina. No país vizinho, elas viviam em um fosso que não oferecia as condições necessárias para sua saúde. Com a autorização do governo argentino, as duas foram trazidas para Mato Grosso, onde fica o único santuário de elefantes da América Latina.

“Embora este seja um momento difícil, e possa ser difícil processar essa perda, sentimos gratidão a Pocha pelo amor e estabilidade que ela foi capaz de proporcionar a Guillermina por 24 anos. Uma vez que as duas estavam no Santuário, ela pôde ver sua filha experimentar a verdadeira alegria e começar a construir relacionamentos com outros elefantes – algo que pode ter sido apenas um sonho para Pocha”, avança o texto emotivo compartilhado no Instagram do santuário.

A causa da morte ainda não é conhecida, mas uma equipe de especialistas da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) deve ajudar a entender o que aconteceu. Em seguida, como é de costume, o corpo será enterrado no interior do santuário.

Veja a postagem completa:

 

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Feito com muito 💜 por go7.com.br