quinta-feira, 30 maio 2024
- Publicidade -
Dengue
13.2 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Mulher que esquartejou crianças ganha semiberto e tenta fugir em MT; veja

 

Rosana Garcia Cabreira, de 28 anos, presa desde 2013 por matar, esquartejar e ocultar o cadáver de duas crianças, de 8 e 9 anos, em Cáceres (220 km de Cuiabá), tentou fugir após ter o regime semiaberto concedido pela justiça, sob uso de tornozeleira eletrônica, na noite desta segunda-feira (25). Segundo a Polícia Civil, a suspeita havia acabado de colocar o monitoramento eletrônico e, em poucos minutos, já rompeu o aparelho.

Ao ser acionada, as guarnições iniciaram as diligências partindo do local da última localização apontada pela tornozeleira. Após buscas, a suspeita foi avistada na garupa de uma motocicleta e tentou fugir das guarnições, mas acabou sendo alcançada e detida.

O homem que conduzia a moto também foi preso. A suspeita foi levada para o presídio feminino Ana Maria do Couto May, em Cuiabá. O suspeito passará por audiência de custódia nesta terça-feira (26).

O CASO

Na época do crime, a suspeita namorava um adolescente de 15 anos, que era primo das vítimas e morava na mesma rua, no Bairro da Empa, em Cáceres. Apontado como mentor, esse adolescente chamou os dois primos para tomar banho no Rio Paraguai.

Junto deles estavam ainda um outro adolescente de 13 anos e a irmã do possível mentor. As vítimas foram chamadas pelas duas meninas, Rosana e sua cunhada, para tomar banho no rio.

Lá estando, elas foram mortas. O irmão delas, de 7 anos, assistiu ao crime enquanto era segurado pelas duas garotas. Além disso, os dois adolescentes do sexo masculino violentaram os corpos.

A terceira vítima conseguiu fugir correndo. Usando um machado, um facão e um martelo, eles tentaram esquartejar os dois irmãos, com a intenção de cortar as barrigas e colocar pedras para que afundassem e não fossem encontrados.

Após a localização dos corpos, às margens do Rio Paraguai, as investigações chegaram até aos três suspeitos, que alegaram motivações diferentes pelo duplo assassinato. Rosana disse em seu depoimento que matou as crianças porque não gostava delas. Ela foi presa, onde esteve até a data em que recebeu o benefício de responder pelo crime em liberdade, mas rompeu a tornozeleira e acabou sendo presa novamente. Na época, os dois adolescentes foram encaminhados para o Centro Socioeducativo de Cuiabá, mas já estão em liberdade.

VEJA VÍDEO:

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

«Tomai, isto é o meu corpo. este é o meu sangue»

Solenidade do Corpo e do Sangue de Cristo (B)Evangelho Mc 14,12-16.22-26No...

Rúcula Cremosa com Queijo de Cabra e Damasco

Uma entrada sofisticada e saborosa, perfeita para um jantar...

Corpus Christi

O Corpus Christi é uma comemoração religiosa celebrada sempre numa quinta-feira e é...
Feito com muito 💜 por go7.com.br