segunda-feira, 20 maio 2024
- Publicidade -
17.3 C
Nova Olímpia
- Publicidade -
abaixo de ultimas notícias

Foragido, suspeito de matar ex-policial e filha adolescente em Rondonópolis é preso em Goiás

  

 
 

Lucas Soares Dias, 25 anos, que estava foragido com dois mandados de prisão expedidos pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) de Rondonópolis (MT) foi preso pela Polícia Militar (PM) no Estado de Goiás.

Conforme informações da Polícia, o indivíduo pertencente a uma facção criminosa predominante em Rondonópolis (MT). Ele é considerado de alta periculosidade e tinha dois mandados de prisão por homicídio e porte ilegal de arma de fogo.

Após compartilhamento de informações a equipe do tático alfa de Goiás logrou êxito em abordagem e prender o indivíduo.

Ele é suspeito de participar no crime que vitimou Marco Aurélio Silva, 29 anos, no dia 29 de outubro de 2021, que conforme a Polícia pertencia a uma facção rival.

Lucas também é suspeito de participar no crime que vitimou pai e filha no Conjunto São José em fevereiro de 2022.

Após o cometimento dos crimes, o indivíduo fugiu para o Estado de Goiás e foi preso.

PRIMEIRO CRIME 

Lucas é suspeito de participação no crime que vitimou Marco Aurélio Silva, 29 anos, no dia 29 de outubro de 2021, na avenida Presidente Costa e Silva, na Vila Mariana, em Rondonópolis.

Segundo informações, suspeitos chegaram e atiraram na vítima que estava dentro do carro, houve troca de tiros e ele saiu do veículo sem ferimentos. Mais uma vez, os suspeitos tentaram acertar a vítima que correu, mas foi baleada.

Marco andou por algumas quadras e foi amparado por populares que o carregaram para ajudar no socorro.

Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu momentos após dar entrada no Hospital Regional.

Lucas também é suspeito de participar no crime que chocou a cidade de Rondonópolis onde pai e filha morreram.

O crime aconteceu no dia 1 de fevereiro de 2022 no bairro Conjunto São José. Eles foram assassinados com mais de 15 disparos de arma de fogo.

Pai e filha morreram dentro de um estabelecimento comercial que era tocado pela família.

A vítima é um ex-policial, identificado como Genival Ferreira e a filha dele de apenas 16 anos.

A adolescente estava cuidando do caixa do comércio enquanto a mãe fazia o almoço.

Os suspeitos chegaram ao local efetuado os disparos e fugiram logo em seguida.

- Publicidade -

Compartilhe

Popular

Veja também
Relacionados

Feito com muito 💜 por go7.com.br